terça-feira, 14 de setembro de 2010

Pelo menos uma vez


Foi inacreditável quando senti aquele cheiro antigo, inconfundível, invadindo a casa.
Sem perceber, meus dentes estavam se exibindo num enorme sorriso, e a alegria intensa daquele momento me fez acreditar que não há limites para ser feliz.
Então demorei saber que era real, que você estava ali, comigo.
Depois de abraços sufocantes e beijos desesperadores, desejei que pelo menos uma vez na vida, todas as pessoas pudessem um dia, sentir tanto amor.
Estampado no meu rosto minha euforia e nos olhos, o seu nome.
E cada parte do meu corpo misturado a alma te quis, te amei como tempos atrás.
Soube de toda a verdade entre duas pessoas, quando não se preocupa com o que virá depois.
E me tornei melhor, completa,
de novo, sua,
agora.

4 comentários:

  1. se for por assim a mesma ideia, está maravilhosamente lindo! haha

    ResponderExcluir
  2. Há momentos que podiam durar uma vida

    ResponderExcluir
  3. Meu blog mudou de endereço, o novo é:
    http://vemcaluisa.blogspot.com/
    :)

    ResponderExcluir