domingo, 7 de novembro de 2010

Desperdiçei amor sem você


- Não consigo dormir por não parar de pensar em você, menina.
- Hm, agora você sabe o que faz com a maioria das minhas noites. [Ela responde emburrada num tom vingativo...]
[Sorrindo e rindo ao imaginar sua cara amarrada, ele fica sério e diz...]
- Agora sei o quanto desperdiçei amor sem você. É. Ele foi mal gasto quando não foi com você.
[Ela fica radiante, e sem hesitar...]
- Quero o seu amor, todo o imenso resto que sobrou.
[E as palavras dão licença para o beijo.]

3 comentários:

  1. Olá, lindo, a vida sem amor ñ vale nada abraços

    ResponderExcluir
  2. Putz, me quebra as pernas nesse tom. É digno de nostalgia esse diálogo. E o amor é sempre bem-vindo. AMEI esse post.
    E todos os outros... rs

    ResponderExcluir